Dom Joseph Gébara assume Eparquia de Nossa Senhora do Paraíso

Patriarca Melquita Gregórios III e Dom Joseph Gébara

    Brasília, CNBB – O papa Francisco aceitou nesta segunda-feira, 21, o pedido de renúncia ao governo pastoral da Eparquia de Nossa Senhora do Paraíso, em São Paulo, dos Greco-Melquitas, apresentado por dom Farès Maakaroun, em conformidade com o cânon 210, parágrafo primeiro do Código dos Canônes das Igrejas Orientais – CCEO.
    Em conseqüência, o governo pastoral da Eparquia de Nossa Senhora do Paraíso será assumido pelo eparca coadjutor da mesma Eparquia, dom Joseph Gébara.

    Natural do Líbano, dom Josepeh Gébara estudou Filosofia no Instituto Teológico São Paulo de Harissa e Teologia no Instituto Católico de Paris. É doutor em História das Religiões e Antropologia Religiosa, pela Universidade Sorbonne.
    Foi ordenado sacerdote para a arquieparquia de Beirute e Jbeil dos greco-melquitas em julho de 1993. Foi nomeado bispo auxiliar da Eparquia de Nossa Senhora do Paraíso em outubro de 2013.

Saudação da CNBB a Dom Joseph Gébara
    O bispo auxiliar de Brasília e secretário geral da CNBB, dom Leonardo Steiner, expressa alegria com a nomeação de dom Joseph Gébara como bispo da eparquia de Nossa Senhora do Paraíso em São Paulo. Ao mesmo tempo, agradece a dom Farès Maakaroun “pelo seu longo apostolado à frente dessa eparquia”. Leia, abaixo, a mensagem.

 Saudação a Dom Joseph Gébara

    O Papa Francisco aceitou hoje, 21, o pedido de renúncia, apresentado por Dom Farès Maakaroun, ao governo da Eparquia de Nossa Senhora do Paraíso, em São Paulo, dos Greco-melquitas, de acordo com o cânone 210, § primeiro, do Código dos Cânones das Igrejas Orientais – CCEO. Em consequência, o até agora eparca coadjutor, Dom Joseph Gébara, assumirá a guia pastoral da mesma eparquia.

    Natural do Líbano, Dom Joseph Gébara fez seus primeiros estudos, até a Filosofia, também no Líbano, passando a fazer a Teologia no Instituto Católico de Paris. Pela Universidade da Sorbone, doutorou-se em História das Religiões e em Antropologia Religiosa. Em 1993, foi ordenado sacerdote para a arquieparquia de Beirute e Jbeil, dos Greco-melquitas, e, em 2013, foi nomeado bispo coadjutor da Eparquia de Nossa Senhora do Paraíso.

    Agora, ao mesmo tempo agradecida a Dom Farès Maakaroun pelo seu longo apostolado à frente dessa eparquia, a CNBB alegra-se com a chegada de Dom Gébara a esse posto, desejando-lhe também longo e fecundo pastoreio junto ao rebanho dos católicos Greco-melquitas de São Paulo. Nossa Senhora do Paraíso o acompanhe em todos os seus momentos.

+ Leonardo Ulrich Steiner
Bispo Auxiliar de Brasília
Secretário Geral da CNBB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *